Artigos da categoria Economia
jul
6

Crise: Poupança tem maior retirada de recursos da história

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Pelo sexto mês seguido, a poupança registrou perda de recursos. Segundo dados divulgados hoje (6) pelo Banco Central, os correntistas retiraram R$ 38,542 bilhões a mais do que depositaram no primeiro semestre. A caderneta registrou a pior captação líquida (diferença entre depósitos e retiradas) da história para o período.

Nos seis primeiros meses do ano, os brasileiros depositaram R$ 909,632 bilhões na poupança. No entanto, as retiradas somaram R$ 948,174 bilhões. Apenas em junho, os investidores sacaram R$ 6,261 bilhões a mais do que depositaram na poupança, também a pior captação líquida registrada para o mês. No mês passado, os depósitos somaram R$ 162,854 bilhões, mas os saques totalizaram R$ 169,114 bilhões.

Nos últimos meses, vários fatores estão provocando a fuga de recursos da poupança. Em primeiro lugar, a alta da Selic (taxa básica de juros da economia) tornou a poupança menos atraente que outras aplicações. Segundo a Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), a caderneta é vantajosa do que os fundos de investimento apenas quando as aplicações são inferiores a seis meses, apesar de a poupança ser isenta de Imposto de Renda e de taxas de administração.

A alta da inflação também contribuiu para a perda de atratividade da poupança. Nos últimos 12 meses, a caderneta rendeu 7,43%, equivalente à Taxa Referencial mais 6,17% ao ano. A inflação pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, no entanto, está em 8,47%, puxada pela alta de preços administrados, como combustíveis e energia. O aumento dos preços e do endividamento dos consumidores também diminuem a sobra de recursos a ser aplicada na caderneta.

jun
30

Novo aeroporto poderá operar 30 voos por hora com maior pista do NE

Autor 0    Categorias Economia     Tags

aeroporto de natal

O Aeroporto Aluízio Alves em São Gonçalo do Amarante passou por uma avaliação em sua capacidade do sistema de pista. O Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea (CGNA), órgão subordinado ao Departamento de Controle do Espaço Aéreo do Comando da Aeronáutica definiu um aumento de 11% na quantidade de pousos e decolagens realizados por hora nas pistas do Aeródromo. Com a autorização, o Terminal potiguar passa a operar 30 movimentos/hora, podendo realizar um voo a cada dois minutos, se destacando com a maior capacidade de pista do nordeste brasileiro.

A análise ocorreu um ano após o início das operações no novo Aeroporto. Toda a infraestrutura disponível para operações de aeronaves, como pátio, pistas de taxiamento, de pouso e decolagem e posições para estacionamento de aviões, foram avaliadas.

Segundo o engenheiro José Luis Menghini, presidente da Inframerica, o aumento da capacidade de operação das pistas gera oportunidades de negócios e novos voos para os passageiros.

jun
30

UFRN abre inscrições para vagas de professor com salários até R$ 9 mil

Autor 0    Categorias Economia, Educação     Tags

ufrn-campus

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte está com inscrições abertas para três processos seletivos para professor que oferecem 46 vagas, além de formação de um quadro para cadastro de reserva. Os editais estão disponíveis no endereço:http://www.progesp.ufrn.br/concursos.php.

O edital, que tem o período de inscrição mais diminuto é o 012/2015, cujo processo seletivo simplificado é para professor substituto e temporário. As inscrições serão efetuadas na Secretaria da Unidade Acadêmica de Lotação correspondente à vaga.

Neste caso, o prazo final para participar da seleção é a próxima segunda-feira, 6 de julho. A remuneração pode chegar a R$ 5.516,41, a depender da titulação do candidato.

Já os editais 002/2015 e 003/2015 contêm os seguintes itens em comum: ambos recebem inscrições até o dia 14 de julho, a inscrição é realizada por meio do site: www.sigrh.ufrn.br e oferecem salários de até R$ 9.012,50.

Entretanto, o primeiro tem vagas apenas para professor adjunto, enquanto que o edital 003/2015 possui oportunidades para professores adjunto, assistente e auxiliar.

jun
28

Tarifa de transporte rodoviário terá reajuste

Autor 0    Categorias Economia     Tags

As tarifas de transporte rodoviário interestadual e internacional de passageiros serão reajustadas em 7,7% no dia 1º de julho. A autorização foi publicada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) no Diário Oficial da União.

De acordo com a resolução da ANTT, os novos valores serão aplicados sob a justificativa de “manter o equilíbrio econômico-financeiro das permissionárias [empresas que têmpermissão ou licença, autorizadas pela justiça] e autorizatárias [empresas autorizadas pela ANTT a prestar temporariamente o serviço, ainda que sem a realização de processo licitatório]” desse tipo de transporte. O reajuste não será aplicado para transportes rodoviário interestadual e internacional semiurbano. Nesse caso, as tarifas são determinadas de forma diferenciada e por meio de ato específico.

Para definir os novos valores, a agência adotou coeficientes tarifários máximos a partir de cálculos que levam em consideração elementos como itens de custos (instalações, equipamentos, pessoal, depreciação de material, remuneração de capital, combustíveis, lubrificantes, pneus, peças, acessórios e administração), parâmetros operacionais (percurso médio anual, índice de aproveitamento, lotação média da frota e fator redutor de encomendas) e adicionais de incidente (tributos, seguros, gratuidades instituídas por lei).

jun
24

BC: economia deve ter queda de 1,1% este ano

Autor 0    Categorias Economia     Tags

O BC (Banco Central) prevê maior retração da economia este ano. De acordo com o Relatório Trimestral de Inflação, divulgado nesta quarta-feira, o PIB (Produto Interno Bruto), soma de todos os bens e serviços produzidos, deve apresentar queda de 1,1%. Na previsão anterior era 0,5%.

A produção agropecuária deverá crescer 1,9%, mais do que a estimativa anterior, que era  1%. A projeção para o recuo da indústria passou de 2,3% para 3%. O BC destaca os impactos das reduções projetadas para a indústria de transformação, de 3,4% para 6%, e para a produção e distribuição de eletricidade, água e gás, de 1,4% para 5,6%. De acordo com o BC, esse cenário reflete aumento da participação de termoelétricas na oferta de energia (mais cara) e de redução do consumo de água no primeiro trimestre do ano.

A projeção para o setor de serviços passou de crescimento de 0,1% para queda de 0,8%. O BC também revisou a projeção para o consumo das famílias, que passou de expansão de 0,2% para queda 0,5%. Segundo o BC, essa revisão está “em linha com a piora no mercado de trabalho e a manutenção da confiança do consumidor em patamares historicamente reduzidos”.

jun
24

Voo entre Natal e Buenos Aires será lançado oficialmente nesta quinta-feira

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Gol Natal Buenos Aires

O Rio Grande do Norte ganhará, em julho, um voo direto semanal da Argentina, entre Buenos Aires e Natal, que incrementará o Turismo no estado e injetará até R$ 13 milhões por ano na economia local. O lançamento oficial deste voo será nesta quinta (25), na capital da Argentina, em um evento que contará com a presença do governador Robinson Faria, a convite da Gol Linhas Aéreas.

A cerimônia reunirá imprensa, empresários e agências de turismo portenhas e ainda hoteleiros e representantes do trade turístico potiguar. O objetivo é resgatar o país vizinho como um dos principais pólos geradores de turistas para o Rio Grande do Norte.

Na sexta-feira (26), o governador prosseguirá com a agenda de trabalho mantendo reuniões com empresários locais, para discutir oportunidades de investimento turístico e econômico no Estado, dentro da política do atual governo de fomento à atividade.

O voo inaugural partirá de Natal, no dia 04 de julho. No sábado seguinte, será a vez do voo direto partir de Buenos Aires para Natal.

jun
24

Ministro Henrique Alves busca investidores para hotelaria e turismo

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Henrique Alves

O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, participa nesta quarta-feira (24), em São Paulo, da abertura do GRI Hotéis, evento promovido pelo Global Real Estate Institute, grupo de investidores global criado para conectar altos executivos. Este ano, o evento reunirá até dia 25 grandes nomes do mercado imobiliário para discutir oportunidades de investimentos e fomento de novos negócios no mercado hoteleiro nacional.

Henrique Eduardo Alves, foi convidado para fazer a abertura do evento. Oportunidade em que vai falar sobre a atuação do Ministério e os incentivos do governo para o desenvolvimento e crescimento do setor hoteleiro nacional.
A presença do ministro no evento reforça um dos objetivos institucionais estratégicos da Pasta, reafirmados no Plano Nacional de Turismo, que é o de “melhorar a qualidade e aumentar a competitividade do turismo brasileiro”.

jun
22

Venda do milho movimenta comércio

Autor 0    Categorias Economia     Tags

noticia_127002Já é São João e o forró toma conta da cidade, assim como os pontos de vendas do milho. Na Ceasa, a maior central de abastecimento do Rio Grande do Norte, as expectativas de venda são otimistas. A “mão do milho” (50 espigas) está sendo comercializada entre R$ 25 e R$ 30.

Segundo o vendedor Ubaldo Guilherme, a procura ainda está devagar “pelo fato de a crise que está atingindo o comércio em modo geral”, explica. Assim como Ubaldo, a expectativa do Neguinho do Milho também é boa. “Estamos esperando vender em torno de 3 a 4 “carradas” de milho (cerca de 40 mil espigas) até o final do período junino”, comemora.

De acordo com o gerente comercial da Ceasa, Hugo Moura, a expectativa é superar as vendas de 2014, uma vez que o número de municípios fornecedores aumentou. Ainda segundo ele, os produtos comercializados na Ceasa vêm em maior parte da Grande Natal e interior do RN (Mossoró, Natal, Parnamirim, Rio do Fogo, São José de Mipibu, Touros, Assu, Ipanguaçu e Monte Alegre), mas também dos estados de Goiás e Paraíba.

jun
22

Inflação encosta nos 9% em 2015 na pesquisa Focus

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Depois dos resultados surpreendentes do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de maio e do IPCA-15 de junho, ambos acima das estimativas, analistas consultados pelo Banco Central para o Relatório de Mercado Focus elevaram mais uma vez suas previsões para o índice. Pela 10ª rodada consecutiva, a estimativa para o indicador deste ano avançou de 8,79% da semana anterior para 8,97% agora. Há um mês, essa projeção estava em 8 37%.

As expectativas para a inflação suavizada 12 meses à frente também foram ampliadas e passaram de 6,10% para 6,13%. Há quatro semanas, estavam em 6,02%. Para junho, a medianas das previsões passou de 0,55% para 0,68%. Há um mês estava em 0,38%. Já para julho, a estimativa apresentada na Focus aumentou de 0,35% para 0,40% de uma semana para outra – ante 0,31% de quatro edições atrás.

Para o fim de 2016, foco de atuação do BC neste momento, a mediana das projeções para o IPCA se mantém inalterada há cinco semanas consecutivas em 5,50%. Apenas no Top 5, que é o grupo dos economistas que mais acertam as estimativas, houve refresco nas projeções para a inflação. Para este ano, a mediana das estimativas de 8,90% foi substituída pela de 8,83%. Está ainda, entretanto, maior do que a taxa aguardada há um mês, de 8,75%. No caso de 2016, houve estabilidade da previsão em 5,21%, menor do que a mediana apontada na pesquisa geral, de 5,50%. Quatro edições atrás, estava em 6,00%.

jun
21

Dois milhões de brasileiros entram na lista de inadimplentes em 2015

Autor 0    Categorias Economia     Tags

No último mês de maio, o número de consumidores com contas atrasadas e registrados nos cadastrados de inadimplência apresentou nova aceleração, avançando 4,79%, em relação ao mesmo mês do ano passado. No acumulado dos cinco primeiros meses de 2015, a alta atinge 4,63%.

De acordo com dados do indicador calculado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), o crescimento observado em maio é o maior desde agosto do ano passado e a mais intensa variação anual para os meses de maio desde 2013. Os economistas estimam que ao final de maio havia, aproximadamente, 56,5 milhões de brasileiros com o CPF negativado em todo o país. Isso significa dizer que, entre dezembro de 2014 e maio de 2015, houve um aumento líquido de dois milhões de novos adultos inadimplentes.

Na comparação mensal, entre abril e maio deste ano, o número de pessoas inadimplentes também apresentou uma ligeira aceleração, passando de 1,16% para uma alta de 1,20%. De acordo com a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, o aumento na base mensal de comparação, sem sazonalidade, foi puxado principalmente pelos devedores que têm dívidas atrasadas entre 91 e 181 dias – crescimento de 7,27%. “O dado sugere que os novos inadimplentes se concentram no grupo que adquiriu dívidas no início do ano e no período natalino do ano passado”, afirma Marcela.

jun
19

Ministro do Turismo reafirma apoio aos artesãos brasileiros

Autor 0    Categorias Arte e Cultura, Economia     Tags

Henrique Alves

Em audiência concedida aos diretores da Confederação Nacional dos Artesãos do Brasil, acompanhados do senador Douglas Cintra (PE), o ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, reafirmou apoio ao 7º Congresso Nacional que a categoria vai realizar, em Natal, entre os dias 19 e 21 de outubro. O ministério também apoia propostas de qualificação de mão de obra para o artesanato através do Pronatec Turismo. “O artesanato é uma das atividades mais significativas dentro da cadeia econômica do Turismo”, disse Alves.

Até a realização do congresso, que deverá reunir mais de mil artesãos em Natal, Henrique Alves vai fazer gestões na Câmara dos Deputados para aprovação do projeto de lei (PL 7755/2010) que reconhece o artesão como profissional. A luta da categoria pela regularização da profissão dura 35 anos. Ao longo desse tempo, 5 propostas foram arquivadas. O atual PL, já aprovado no Senado, avançou na Câmara com o apoio de Henrique Alves, enquanto presidia a Casa.

No Rio Grande do Norte, segundo a presidente da Federação dos Artesãos do estado, Marcia Maria de Oliveira, são 50 mil profissionais vivendo da atividade, impulsionada pelo turismo local. “O turista vem em busca de sol, mar e paisagens, mas na volta para casa não leva água nem areia e sim o nosso trabalho em forma de artesanato”, lembrou.

jun
18

Indústria: Plano prevê corte de 30% na jornada e nos salários

Autor 0    Categorias Economia     Tags

A área técnica do governo fechou a proposta do programa de redução da jornada de trabalho e de salários, que deve sair até o fim deste mês como medida para controlar o aumento do desemprego na indústria. Pelo desenho proposto, ao qual o jornal O Estado de S. Paulo teve acesso, a jornada seria reduzida em 30%, mesmo porcentual que as empresas cortariam do salário. O Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), porém, pagaria 15% do salário para o empregado.

Para os empregadores, a redução nos custos seria da ordem de 30%. Para os trabalhadores, o salário seria cortado em 15% porque contariam com o complemento do FAT, fundo responsável pelos pagamentos do seguro-desemprego e do abono salarial.

A proposta, batizada de Plano de Proteção ao Emprego (PPE), é vista com simpatia pelo Planalto e, principalmente, pela equipe econômica. As discussões foram comandadas pela Casa Civil, com apoio técnico do Ministério do Trabalho. Defensores da proposta consideram essencial colocá-la em prática para impedir o aumento do desemprego – a taxa de abril foi a maior em quatro anos.

Grandes empresas ainda fazem lobby para que o governo aumente o porcentual de redução da jornada e, consequentemente, do salário em até 50% (o FAT teria de bancar 25%).

jun
15

Juros do cartão de crédito atingem maior nível em 16 anos

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Ter a dívida multiplicada por quatro em um ano – esta é a realidade de quem entrou no crédito rotativo do cartão. Segundo levantamento divulgado pela Associação Nacional dos Executivos de Finanças (Anefac), os juros do cartão de crédito passaram de 295,48% ao ano em abril para 304,03% em maio.

A taxa está no maior nível desde março de 1999, quando havia atingido 354,63% ao ano. Assim, quem tem uma dívida de R$ 1 mil no cartão de crédito e não consegue quitar o débito encerra os 12 meses seguintes devendo R$ 4.040,30.

Os juros do cheque especial subiram de 205,06% ao ano em abril para 210,44% ao ano em maio, atingindo o maior nível desde janeiro de 2003 (220,06% ao ano). Pela conta, quem entra no cheque especial devendo R$ 1 mil chega ao fim dos 12 meses seguintes com uma dívida de R$ 3.104,40.

As taxas das demais modalidades de crédito para pessoa física também aumentaram no mês passado na comparação com abril.

jun
15

Henrique Alves vai discutir isenção de vistos para americanos

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Henrique Alves e Alex Manente

A importância da isenção de vistos para a entrada de estrangeiros no Brasil será debatida na Câmara dos Deputados no próximo dia 15 de julho. O ministro do Turismo, Henrique Eduardo Alves, confirmou presença na audiência pública, em reunião com o presidente da Comissão de Turismo da Câmara, Alex Manente.

O tema da flexibilização e isenção de vistos tem importância estratégica para o turismo. De acordo com estudo do Fórum Econômico Mundial, o Brasil é o 91ª colocado na dimensão “Abertura Internacional”, em um ranking de 141 países. No subitem que avalia o percentual da população mundial que necessita de visto para entrar no país, o Brasil sobe, negativamente, para 102ª posição.

Em maio, o ministro Henrique Alves apresentou proposta ao Ministério de Relações Exteriores de isentar os norte-americanos da exigência de visto para entrada no Brasil, por conta da proximidade dos Jogos Olímpicos. Na reunião, o chanceler Mauro Vieira firmou compromisso de analisar o assunto e lembrou que o Brasil tem acordo de isenção com 82 países. Atualmente, existem no Congresso Nacional diversos projetos de lei que tratam do assunto.

jun
15

Novo aeroporto está liberado definitivamente para voos internacionais.

Autor 0    Categorias Economia, Sem categoria     Tags

aeroporto de natal

A Delegacia da Receita Federal em Natal declarou alfandegado o Aeroporto Internacional Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante. A portaria com o ato declaratório – que concede o alfandegamento definitivo – foi publicada no dia 11 de junho no Diário Oficial da União. Na prática, o alfandegamento é a autorização por parte da Receita Federal para que o terminal possa embarcar ou desembarcar viajantes e mercadorias procedentes do exterior ou a ele destinados.

Até então, desde que o Consórcio Inframérica assumiu a gestão do aeroporto, o terminal funcionava  apenas com uma autorização provisória. Para conseguir a autorização definitiva o consórcio teve que resolver pendências nos requisitos operacionais que não foram detalhados pela Receita.

O Aeroporto Aluízio Alves enfrentou problemas com o alfandegamento no início do funcionamento. O terminal começou a operar no dia 31 de maio de 2014 e só conseguiu receber o primeiro voo internacional no dia 4 de junho do mesmo ano com uma autorização “excepcional e temporária” da Receita Federal.

jun
12

Dilma disse que inflação a preocupa

Autor 0    Categorias Economia     Tags

A presidente Dilma Rousseff disse nesta quinta-feira que a inflação a “preocupa bastante” e que é imperioso baixá-la rápido, acrescentando que o país não pode conviver com uma escalada de preços. O Brasil registra uma inflação acumulada de 8,47% nos últimos 12 meses, segundo o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), divulgado na quarta-feira.

“[Os números] preocupam bastante, porque a inflação é um objetivo que nós temos que derrubar, e derrubar logo. O Brasil não pode conviver com uma taxa alta de inflação. Não pode e não vai”, declarou a presidente em entrevista coletiva em Bruxelas, onde participou da cúpula entre a União Europeia e a Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac).

Rousseff classificou como “atípica” a espiral inflacionária e responsabilizou, em parte, a seca que castiga o país há mais de dois anos e que encareceu o preço dos alimentos. A economia vem mostrando sinais de franca deterioração, com as contas públicas no vermelho, a balança comercial deficitária, o desemprego em ascensão e uma desvalorização do real.

jun
10

Tarifas de energia poderão subir para compensar melhoria dos serviços

Autor 0    Categorias Economia     Tags

O modelo de renovação das concessões do setor elétrico estará em consulta pública de amanhã (10) a 13 de julho. Ao todo, 43 contratos de concessões de 39 distribuidoras serão renovadas, das quais 36 empresas em 2015, duas em 2016 e uma em 2017. A lista tem a presença de grandes distribuidoras estaduais como Cemig (Minas Gerais), Copel (Paraná), Celg (Goiás) e CEB (Distrito Federal).

A Aneel também pretende mudar o índice de inflação usado para corrigir parte das tarifas de energia. Em vez do Índice Geral de Preços de Mercado (IGP-M), elaborado pela Fundação Getulio Vargas e com 60% da composição com base em preços de atacado, a agência quer adotar o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial.

O intervalo de revisões das tarifas, quando a Aneel avalia o equilíbrio econômico e financeiro das empresas e autoriza um reajuste extra para os consumidores, será padronizado em cinco anos. Atualmente, a revisão tarifária ocorre a cada três, quatro ou cinco anos, dependendo da empresa.

As novas regras também estabelecem limites para duração e frequência nas interrupções de energia para os primeiros cinco anos do contrato, com base na fiscalização da Aneel em 2014. As distribuidoras com serviço considerado ruim pela agência terão de obedecer a um cronograma de melhorias, que podem ser custeadas por meio do aumento de tarifas.

jun
8

Venda de motos tem queda de 16,76% em maio

Autor 0    Categorias Economia     Tags

cg-fan-150-esdi-vermelha-620x400

Estamos chegando à metade do ano de 2015 e o mercado de motos parece não apresentar uma melhora, registrando resultados negativos subsequentes com ao longo dos primeiros meses do ano.

Segundo balanço divulgado pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), no mês de maio foram emplacadas 105.472 motocicletas, uma queda de 16,76% em relação ao mesmo mês em 2014 (126.704). Quando comparamos com o mês de abril (108.155), a queda é menor, de 2,48%.

O resultado acumulado do ano de 2015 no segmento de motocicletas também segue a mesma toada. No total, de janeiro a maio deste ano, foram emplacadas 540.560 unidades, número 11,94% menor que o registrado durante o mesmo período de 2014, com 613.841 motos comercializadas.

Durante o mês de maio a Honda permaneceu na liderança dos modelos mais vendidos, com a CG 150 encabeçando a lista ao ter 29.844 unidades negociadas, seguida pela NXR Bros (16.271), Biz (16.213), Pop 100 (8.592) e CG 125 (5.512).

jun
8

Receita libera consulta a primeiro lote de restituições

Autor 0    Categorias Economia     Tags

A consulta ao primeiro lote de restituições do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) 2015 foi liberada nesta segunda-feira (8). As informações estão disponíveis no endereço www.receita.fazenda.gov.br ou por meio do Receitafone 146. A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que permite a consulta às declarações do IRPF para os sistemas Android e iOS.

Contribuintes idosos e os com moléstia grave ou deficiência física, que não tenham cometido erros ou omissões na hora de enviar os dados têm prioridade.

jun
7

Crise: Apenas 9% das micro e pequenas empresas pretendem contratar nos próximos 3 meses

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que os micro e pequenos empresários varejistas e prestadores de serviços (MPE) já sentem os efeitos da piora da economia. De acordo com o estudo, apenas 9% das MPEs pretendem contratar mão-de-obra nos próximos três meses – uma média de três funcionários por empresa. Para 32% dos entrevistados, a principal dificuldade enfrentada para a manutenção e o crescimento de suas empresas é o cenário político-econômico.

O estudo considerou apenas as micro e pequenas empresas com mais de um funcionário, e traçou o perfil dos gestores e das empresas desse segmento, além de mapear os fatores externos que influenciam seu crescimento e sustentabilidade. Com um faturamento médio anual de R$ 439 mil e mensal de R$ 36.500 mil, os empresários entrevistados pertencem ao segmento de Varejo (52,5%) dos setores alimentícios, vestuário, materiais de construção e móveis e decoração; e de Serviços (47,5%), do setor alimentício, serviços financeiros, tecnologia e informática, transportes, e da área da saúde.

jun
4

Taxa de juros aumenta para 13,75% ao ano

Autor 0    Categorias Economia     Tags

Apesar do ritmo lento da economia e da retração do mercado de trabalho no primeiro trimestre de 2015, o Banco Central elevou a taxa básica de juro mais uma vez. O Comitê de Política Monetária (Copom) subiu a Selic de 13,25% para 13,75% ao ano — a maior desde a crise econômica internacional em 2008.

O aumento — o sexto consecutivo — era esperado por analistas do mercado financeiro. Com uma taxa mais alta de juro, o Banco Central (BC) tenta controlar o crédito e o consumo, atuando assim para segurar a inflação, que em abril registrou 8,13% em 12 meses, bem acima do teto da meta estabelecida pelo governo, de 6,5%.

jun
4

Caixa registra lucro de R$ 1,5 bilhão no primeiro trimestre do ano

Autor 0    Categorias Economia     Tags

caixa economica

A Caixa Econômica Federal anunciou um lucro de R$ 1,5 bilhão nos primeiros três meses de 2015. De acordo com a entidade, o aumento das receitas de operações de crédito (35,3%), do resultado de títulos e valores mobiliários e derivativos (88,2%) e do incremento nas receitas de prestação de serviços (14,9%) foram os principais responsáveis pelo resultado obtido.

A Caixa também destacou ter atingido a marca de 80,2 milhões de correntistas e poupadores, apresentando aumento de 8,7% em 12 meses, além de um aumento na concessão de crédito. No primeiro trimestre, foram concedidos R$ 113,5 bilhões de crédito, R$ 600 milhões a mais do que no mesmo período do ano anterior.

Além disso, a Caixa registrou aumento da sua carteira habitacional, com R$ 354,2 bilhões de saldo. Esse valor representa um aumento de 24,6% na carteira em 12 meses. O Programa Minha Casa, Minha Vida foi responsável por R$ 11,1 bilhões em contratações pela Caixa no primeiro trimestre.

jun
3

Juro básico deve avançar ao maior nível em quase 9 anos nesta quarta

Autor 0    Categorias Economia     Tags

selic_620px_va

O “encolhimento” de 0,2% no Produto Interno Bruto (PIB) no primeiro trimestre deste ano não deve impedir o Comitê de Política Monetária (Copom) de promover a sexta elevação consecutiva nos juros básicos da economia nesta quarta-feira (3), de 13,25% para 13,75% ao ano. A previsão é da maior parte dos economistas do mercado financeiro.

Se confirmado este novo patamar para a taxa Selic, será o maior nível desde agosto de 2006 – quando estava em 14,25% ao ano – ou seja, em quase nove anos.

Com uma taxa mais alta de juros, o Banco Central tenta controlar o crédito e o consumo, atuando assim para segurar a inflação. Por outro lado, ao tornar o crédito e o investimento mais caros, os juros elevados prejudicam o investimento, o emprego e, subsequentemente, o crescimento da economia brasileira.

mai
29

Economia brasileira recua 0,2% no primeiro trimestre

Autor 0    Categorias Economia     Tags

A atividade econômica brasileira recuou 0,2% no primeiro trimestre deste ano, na comparação com quarto trimestre de 2014, na série com ajuste sazonal. Na comparação com o primeiro do ano passado a queda foi mais acentuada, de 1,6%. A agropecuária foi a única atividade que apresentou crescimento no período.

Os dados do Produto Interno Bruto (PIB, a soma de todos os bens e serviços produzidos por um país em determinado período) foram divulgados nesta sexta-feira (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Em valores correntes, o PIB do período alcançou R$ 1,408 trilhão, alta de 6,5% ante R$ 1,322 trilhão registrado no primeiro trimestre de 2014.

mai
28

Crise: Montadoras suspendem a produção em junho

Autor 0    Categorias Economia     Tags

O mês de junho vai começar com quatro montadoras paradas e pelo menos 34,7 mil trabalhadores em casa, em férias coletivas ou licença. Sem perspectivas de melhora nas vendas e ainda com estoques elevados, fabricantes de veículos suspenderão a produção ou vão operar parcialmente a partir da próxima semana.

A General Motors interrompe toda a produção de automóveis na fábrica de São Caetano do Sul (SP) praticamente o mês todo – de 1º a 28 de junho. Os quase 5,5 mil trabalhadores da produção terão férias coletivas no período. Segundo o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos local, Aparecido Inácio da Silva, “quase 8 mil carros deixarão de ser produzidos”.

O sindicalista calcula que a unidade tenha 80 mil carros em estoque. Na filial de São José dos Campos (SP), também estão previstas férias coletivas em junho para 1,7 mil trabalhadores do setor de veículos, mas a data ainda não foi divulgada. A GM não comentou o assunto.

mai
27

Pagamento dos servidores do estado do RN começa nesta quinta-feira

Autor 0    Categorias Economia, Estado     Tags

De acordo com Janeayre Souto, Presidenta do SINSP, na SEPLAN foi informado que o pagamento dos servidores estaduais no mês de Maio acontecerá em dois dias.

Na quinta-feira (28), irão receber todos os servidores estaduais inativos e pensionistas independente de faixa salarial.

E na sexta-feira (29), o governo do estado pagará a todos os servidores estaduais. Independente de faixa salarial, de secretaria e de órgão.

mai
24

Comércio comemora veto de proposta que aumenta o limite do empréstimo consignado

Autor 0    Categorias Economia     Tags

O comércio varejista considerou “prudente” o veto dado pelo Governo Federal à proposta que aumenta o limite de crédito consignado de 30% para 40% sobre renda do trabalhador brasileiro. Apesar de sancionada na sexta-feira (22), a Lei 13.126 recebeu vetos parciais nos trechos que concediam o aumento do teto do consignado, o que gerou elogios da CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas), entidade que agrega aproximadamente 500 mil empresários em todo o país.

O presidente da CNDL, Honório Pinheiro, considera uma vitória para a economia brasileira – sobretudo para o setor varejista -, tendo em vista os efeitos nocivos gerados pelos recentes aumentos da inadimplência do consumidor. “Para o comércio, pior do que não vender é vender e não receber. De março para abril deste ano, o número de inadimplentes no país cresceu 2,83%, o que equivale a 600 mil novos consumidores com contas atrasadas. Neste momento, esse tipo de proposta não colabora para um consumo sustentável da economia”, explica o presidente.

mai
23

Aumento de limite do empréstimo consignado é vetado e comércio comemora

Autor 0    Categorias Economia     Tags

O comércio varejista considerou “prudente” o veto dado pelo Governo Federal à proposta que aumenta o limite de crédito consignado de 30% para 40% sobre renda do trabalhador brasileiro.

Apesar de sancionada na sexta-feira (22), a Lei 13.126 recebeu vetos parciais nos trechos que concediam o aumento do teto do consignado, o que gerou elogios da CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas), entidade que agrega aproximadamente 500 mil empresários em todo o país.

O presidente da CNDL, Honório Pinheiro, considera uma vitória para a economia brasileira – sobretudo para o setor varejista -, tendo em vista os efeitos nocivos gerados pelos recentes aumentos da inadimplência do consumidor. “Para o comércio, pior do que não vender é vender e não receber. De março para abril deste ano, o número de inadimplentes no país cresceu 2,83%, o que equivale a 600 mil novos consumidores com contas atrasadas”, explica o presidente.

mai
19

Crise no Brasil: empresa Mercedez Bens anuncia demissão de 500 pessoas

Autor 0    Categorias Economia     Tags

corporativo-22

A Mercedes-Benz anunciou nesta terça-feira (19) a demissão de 500 funcionários na fábrica de São Bernardo do Campo. Os cortes são referentes a funcionários que estavam com os contratos suspensos. Eles serão desligados da empresa em 29 de maio.

Além disso, outros 7 mil trabalhadores das áreas de produção entrarão em férias coletivas por 15 dias a partir de 1 de junho. A Mercedes, em nota, a Mercedes afirma que “precisa recorrer às medidas para enfrentar o desfavorável cenário econômico”. A Mercedes disse ainda que possui um excedente de 1.750 colaboradores na fábrica.

A crise na Mercedes

Em abril, a Mercedes havia anunciado que iria demitir 500 pessoas da planta, localizada na região do ABC. Porém, no final do mês, após greve dos funcionários, a montadora decidiu cancelar as demissões. Na época, a marca afirmou que abriria planos de demissões voluntárias, os PDVs, e que avaliaria os resultados em 18 de maio. A empresa produz caminhões e ônibus no local.

mai
19

Governo da Paraíba suspende por 60 dias repasse para realização de festas

Autor 0    Categorias Economia     Tags

patos1

O governo da Paraíba publicou um decreto que suspende por 60 dias os gastos públicos para realização de festividades. O decreto consta no Diário Oficial do Estado (DOE) da Paraíba desta terça-feira (19). Com a suspensão, ficam vedadas tanto a promoção de festas pelo próprio governo estadual, quanto o repasse para municípios.

De acordo com o decreto, “ficam suspensas, pelo prazo de 60 dias, as despesas públicas para quaisquer beneficiários com finalidade de patrocínio e de apoio à realização de festividades, eventos culturais, solenidades, confraternizações, festas, enfeites, presentes e outras situações similares, ressalvados os casos relacionados às ações governamentais”.

A medida não se aplica aos serviços públicos essenciais das áreas de saúde, segurança e educação, “desde que a prática de tais atos esteja condicionada à existência de disponibilidade orçamentária e financeira”.

O anúncio do governo cerca de um mês antes do São João foi semelhante à medida decretada às vésperas do Carnaval neste ano. À época, no dia 14 de janeiro, o governo baixou uma determinação que suspendia a liberação, também por 60 dias, de recursos para realização de festejos carnavalescos.

Siga-nos no Twitter! Siga-nos no Twitter!
@blogdoserido

Últimas

Arquivos

Lista de Links

Visitas ao Blog do Seridó